EDUCAÇÃO FÍSICA NO NOVO ENSINO MÉDIO: revisão literária sistemáica sobre a Base Nacional Comum Curricular - BNCC

Autores

  • Hemelly da Silva Areias SEDUC/AM

Palavras-chave:

Educação Física, BNCC, Novo Ensino Médio

Resumo

O objetivo desse breve ensaio é promover uma análise e reflexão acerca da Educação Física no contexto que se desenha o novo ensino médio. Para que isso seja possível, é necessário reconhecer nesse cenário uma crise de identidade que se apresenta sutilmente, mas, que também promove e dissemina a perspectiva para novas práticas pedagógicas e metodológicas por meio do currículo previsto a partir da Base Nacional Comum Curricular. Sendo assim, no prisma de desenvolvermos essa análise nos baseamos nos documentos norteadores, na legislação e em autores que tecem comentários acerca do tema proposto. O método utilizado nesse estudo foi bibliográfico e a partir de toda síntese feita, consideramos necessário um novo olhar do professor de Educação Física, frente a esse novo cenário que se apresenta, com vista à novas propostas de trabalho e intervenções que atendam os anseios da juventude do século XXI.

Referências

AREIAS. Hemelly da Silva. Distorção Idade Série no Estado Amazonas: Uma análise sobre os dados estatísticos da Secretaria Estadual de Educação do Estado do Amazonas. Scientia Amazonia, v. 8, n.1, 1-12 p., 2019. Disponível em: http://www.scientia-amazonia.org. Aceso em 01/08/2019.

BRASIL. Lei nº 9.131 de 24 de Novembro de 1995. Altera dispositivos da Lei nº 4.024, de 20 de dezembro de 1961, e dá outras providências. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L9131.htm. Acesso em: 01/08/2019.

BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, LDB. 9394/1996.

BRASIL. Lei nº 13.415, DE 16 de Fevereiro de 2017. Institui a Política de Fomento à Implementação de Escolas de Ensino Médio em Tempo Integral. Disponível em: https://www2.camara.leg.br/legin/fed/lei/2017/lei-13415-16-fevereiro-2017-784336-publicacaooriginal-152003-pl.html. Acesso em: 01/08/2019.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, 2018.

BRACHT, Valter. A constituição das Teorias Pedagógicas em Educação Física. Cadernos CEDES, Campinas, v.19 n.48, p. 19-28. 1999.

BETTI, Mauro. Educação Física como prática científica e prática pedagógica: reflexões à luz da filosofia da ciência. Revista Brasileira de Educação Física e Esporte, São Paulo, v. 19, n. 3, p. 183-197, 2005.

BETTI, Mauro; ZULIANI, Luiz Roberto. Educação física escolar: uma proposta de diretrizes pedagógicas. Revista mackenzie de educação física e esporte, v. 1, n. 1, p. 01-19. 2009.

CAPARRÓZ, Francisco Eduardo. Parâmetros Curriculares Nacionais de Educação Física: O que não pode ser que não é o que não pode ser que não É. In: Valter Bracht; Ricardo Crisório. (Org.).A Educação Física no Brasil e na Argentina: Identidade, Desafios e Perspectivas. 01 ed. Campinas: Autores Associados, 2003, v. 01, p. 309-333.

CURY. Carlos Roberto Jamil. Base Nacional Comum Curricular: dilemas e perspectiva. In. Carlos Roberto Jamil Cury. Magali Reis Teodoro. Adriano Costa Zanardi. São Paulo: Cortez, 2018.

KUNZ, Elenor. Educação Física: ensino & mudança. Ijuí: Ed. Unijuí, 1991.

SACRISTÁN. José Gimeno. O que significa currículo?. In: Sacristán, José Gimeno (org). Saberes e incertezas sobre o currículo. Porto Alegre. Penso, 2013.

SANTANA, Lucas. Campos de Experiência na prática: como trabalhar “corpo, gestos e movimentos” na Educação Infantil, Nova escola. 2019. Disponível em: https://novaescola.org.br/conteudo/17184/campos-de-experiencia-na-pratica-como-trabalhar-corpo-gestos-e-movimentos-na-educacao-infantil. Acesso em 12/01/2021

SILVA, Kelly Samara da et al. Fatores associados à atividade física, comportamento sedentário e participação na Educação Física em estudantes do Ensino Médio em Santa Catarina, Brasil. Cadernos de Saúde Pública, v. 25, p. 2187-2200, 2009.

Downloads

Publicado

2021-05-10

Como Citar

AREIAS, H. da S. EDUCAÇÃO FÍSICA NO NOVO ENSINO MÉDIO: revisão literária sistemáica sobre a Base Nacional Comum Curricular - BNCC. Scientia Generalis, [S. l.], v. 2, n. 1, 2021. Disponível em: https://scientiageneralis.com.br/index.php/SG/article/view/139. Acesso em: 20 jun. 2021.

Edição

Seção

Revisão de literatura